Criado painel solar de algas que produz energia até de noite



Na busca de trazer diversas opções e tornar a produção de energia limpa funcional, eficaz e cada vez mais acessível, os cientistas não param de buscar alternativas e criar novos equipamentos.



Atualmente, uma das alternativas que está dando resultados positivos é o dispositivo biofotovoltaico, o qual utiliza a fotossíntese das plantas ou algas para captar a energia solar. Os pesquisadores da Universidade de Cambridge, localizada no Reino Unido, tiveram um avanço considerável nesta área recentemente: criaram uma célula solar composta por algas que produz cinco vezes mais energia do que os modelos feitos anteriormente. Este novo dispositivo é separado por duas partes, uma que capta a energia solar e outra que transfere a energia para um sistema elétrico, além de permitir que o recurso seja armazenado no equipamento.

Esta célula que os britânicos criaram é feita totalmente de algas, por isso, oferece a matéria prima mais barata e que prejudica menos o meio ambiente, além de produzir energia até durante a noite. Porém, a célula ainda pode ter muitas melhoras em seu desempenho depois de mais estudos. Segundo os criadores, este dispositivo será muito útil para as regiões rurais e destinados à locais que precisam de pouca energia, já que os que necessitam de muita energia podem não conseguir ser atendidos por este equipamento, pois sua demanda e produção ainda são baixas, o que atrapalha o uso da tecnologia.