Campeonato de barcos movidos à energia solar



Todo ano, acontece na cidade de Armação dos Búzios, no estado do Rio de Janeiro, uma competição de barcos movidos à energia solar e, por isso, esta competição se chama Desafio Solar.



A diferença entre esta competição de barcos com as outras do Brasil é que ela exige que todas as embarcações sejam movidas à energia solar, já que tem como principal objetivo incentivar o desenvolvimento de tecnologias para fontes limpas e renováveis de energias alternativas, além de mostrar para a população o potencial que a energia solar possui, podendo ser aplicada no cotidiano das pessoas, como, por exemplo, nos transportes de passageiros.

Esta competição foi inspirada em uma existente na Holanda, a qual se chama Frisian Solar Challenge e ocorre a cada dois anos no norte do país. Nesta competição holandesa os participantes cursam cerca de 220 quilômetros de canais que passam por 11 cidades da região de Frísia. O primeiro evento deste na Holanda foi no ano de 2006, quando o polo náutico brasileiro já demonstrou ter interesse neste modelo de competição, assim, os brasileiros construíram uma embarcação movida à energia solar e participaram de um torneio nos Estados Unidos.

Em 2008 foi a vez da equipe brasileira participar do Frisian Solar Challenge e, mesmo não ganhando, a equipe foi estimulada pelos holandeses à realizar um evento deste tipo no Brasil, o qual aconteceu, pela primeira vez no país, no ano de 2009 e vem ocorrendo todo ano com circuitos de até 12 quilômetros nas belas praias de Búzios. O Desafio Solar é promovido pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e conta com, aproximadamente, 250 estudantes, que são divididos em 19 equipes.