Austrália pode duplicar quantidade de energia solar neste ano



Por ser um país que possui muitas horas de sol, a Austrália pode aproveitar a quantidade de energia solar disponibilizada pelos painéis solares. Por isso, o governo do país deseja aumentar a produção de energias renováveis, duplicando a quantidade de energia solar produzida.



Uma das razões da Austrália ter esta meta é pelo país estar em uma das zonas do planeta que mais sofrem  com os efeitos negativos do aquecimento global. A população australiana está ajudando neste objetivo e, só no mês de janeiro deste ano, as instalações de painéis solares nos telhados das residências aumentaram 69%, comparando com o mesmo mês do ano anterior. Algumas companhias privadas também já estão estudando novos projetos para ampliar suas instalações de captação de energia solar em curto prazo.

A Austrália prevê a finalização de um projeto muito importante para o país no ano de 2020: a maior usina do mundo para explorar energia solar concentrada, com somente uma torre. Esta usina se chamará Aurora Solar Energy Project, será capaz de gerar 150 megawatts e será construída pela Solar Reserve. Ao todo, serão produzidos 495 giga watts de energia elétrica anualmente nesta usina, quantidade que pode atender 90 mil famílias, ou seja, 5% da necessidade da região sul do país, local em que a usina será construída.

Outra vantagem é que, além dos benefícios para o meio ambiente, estes projetos de energia renovável que o país investe gerarão, aproximadamente, 650 empregos na área da construção para os trabalhadores locais.