80% dos EUA podem ser abastecidos pela energia solar e pela energia eólica



A Universidade da Califórnia, localizada na cidade de Irvine, fez uma pesquisa que comprovou que, se for feita uma construção de uma rede de transmissão em escala continental que armazene 12 horas da quantidade de energia elétrica utilizada no país, os Estados Unidos tem potencial para utilizar até 80% de todo seu consumo de eletricidade através da energia eólica e da energia solar.



Em 2017, 18% de toda a energia elétrica consumida no país veio de fontes renováveis, como as energias solar, eólica e hidroelétrica. Segundo o estudo da Universidade da Califórnia, 61% da população dos EUA gostariam de utilizar algum percentual de energia renovável e, daqui a alguns anos, o país deverá utilizar mais fontes de energia elétrica com baixas emissões de carbono para conseguir cumprir a demanda que as energias solar e eólica não conseguirem atender.

Conforme informação disponibilizada no site Conexão Planeta, os Estados Unidos são o quinto maior fabricante de placas solares no mundo, um dos motivos de sua capacidade para gerar energia solar fotovoltaica ser considerada muito boa. Para cumprir o objetivo de atender 80% do país com energia de fontes renováveis, serão necessárias melhorias na transmissão e no armazenamento para compensar as mudanças naturais destes recursos, já que não podemos garantir sol e vento todos os dias. Porém, isso exige muito investimento, que podem chegar a bilhões de dólares.